Buscar
  • William Clavijo

20 famílias venezuelanas foram beneficiadas com 20 cestas básicas.

sta ação traz comida à mesa de cerca de 60 pessoas e representa um alento para os venezuelanos em situação de vulnerabilidade durante a pandemia de Covid-19.

.

Entenda mais sobre a crise

.

Segundo cifras das agencias da ONU, 5.5 milhões de venezuelanos abandonaram o país fugindo da crise econômica, social e politica. O Brasil tem se posicionado como o quinto país receptor na região, acolhendo mais de 264 mil pessoas.

.

Estima-se que o estado do Rio de Janeiro tenha acolhido cerca de 5 mil venezuelanos, entre migrantes, solicitantes de refúgio e refugiados vindos por contra própria ou através do programa de interiorização da Operação Acolhida. Uma grande parcela desta população se encontra em situação de vulnerabilidade social.

.

De acordo com um estudo do Observatório Venezuelano da Migração, da Universidade Católica Andres Bello (UCAB), durante a pandemia da covid-19, 90% dos migrantes venezuelanos sofreram uma queda nos seus ingressos econômicos, 42% perderam seus empregos, 25% não possuem recursos econômicos para comer, 66% necessitam de ajuda para sobrevivência, 15% ficaram sem moradia e 11% sofreram cortes no fornecimento de serviços públicos por falta de pagamento.

.

Caso queira colaborar, entre em contato com a gente via mensagem privada ou pelos canais abaixo:

.

.

✉️venezuelglobalbr@gmail.com

🌐 www.venezuelaglobal.org

.

.

#VenezolanosEnRio #Venezuela #Brasil #VenezolanosEnBrasil #vzlanosnobrasil #ConLosRefugiadosVenezolanos #migração #migrantes

#venezolanosenelextranjero


8 visualizações0 comentário